quarta-feira, 24 de agosto de 2011

O Amor







Meus dias têm sido bem corridos, mas uma coisa não me sai da cabeça: O amor. Estou numa vontade de ler sobre o amor, falar de amor, então por que não escrever sobre o amor? Oohhh, complexidade! E que complexidade, né?

Deus é amor, e posso dizer que de todos os meus amores, Ele é o maior! Meu pai é o meu amorzão, minha vida, meu amigo. Minha mãe é o amor mais intenso e puro que sinto, minha melhor lembrança; Minhas sobrinhas são minhas amadinhas, minha protegidas. Os meus amigos são os gatos e gatas da minha vida e... E não termina aí.

Por muito tempo vivi e senti um amor aos extremos. Extremos mesmo e vou poupá-los dos detalhes - hahaha! Sei lá o que acontece, mas hoje sinto esse mesmo amor de um novo jeito e decidi chamá-lo de amizade, carinho, parceria e quando estou brava, digo que é só consideração... Mas voltando ao assunto, o ponto, a novidade, o que me faz querer falar de amor, ler sobre amor, ouvir música de amor, é um novo - e velho - amor. Digo velho porque inexplicavelmente é assim que sinto, parece mais um reencontro.

Se estou apaixonada, se vou me casar, se isso tudo se trata de uma grande amizade, não importa. Eu amo! Amo muito mesmo! Amooooooo! E precisava desabafar de alguma forma. Bom, tá feito! O próximo passo deve ser subir num palco, gritar na praça ou qualquer coisa do gênero, haha.

3 comentários:

  1. Sempre se ama muito e esse amor vivido aos extremos, eu acho tão bonito, sabe? Tão bonito e tão extremo que parece que a qualquer momento pode simplesmente sumir, e virar areia.
    Vivi e vivo um amor assim, peço a Deus que ele não acabe, que não passe, que não mude.

    Adoro ler sobre amor. *-*

    http://amar-go.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  2. Mas se não for pra voar bem alto, melhor nem tirar os pés do chão

    ResponderExcluir
  3. Posso lhe ser bem sincero? Lá vai. Quando li isso me veio à cabeça uma paixão. E daquelas de ficar sonhando na cama, no chuveiro, no onibus, na aula, quando alguem lhe fala algo e você não responde pq está nas nuvens. Isso mesmo, nas nuvens. Só que sozinha nas nuvens...pois tem medo de que ele não queira subir nelas com você. Desculpa, mas me pareceu...Se não fosse. Não seria um desabafo, seria uma declaração. Dica: rale-se tudo! Vai até ele, diz isso se tu ainda não disse olhando nos olhos dele e rale-se se ele não quiser subir contigo. O "não" tu já tens, quem sabe o "sim" está esperando nas nuvens, hein? No pior das hipóteses, tu vai te sentir aliviada. E ele? Ele nunca mais vai esquecer o que tu disse...beijim

    ResponderExcluir