quarta-feira, 27 de julho de 2011

Feliz por ter dado errado.







Quando passamos por algum problema, logo vem alguém dizendo "Calma, vai dar tudo certo!". Palavras que quase nunca aliviam, rs. Mas além de não aliviar, são incertas, ditas por dizer, afinal, quem pode prever o futuro? Digo mais: quem pode garantir que "dar certo" realmente é o melhor para nós?

Em certos momentos, eu já pensei que o mundo estava desabando - sem exagero, juro - e lembro muito claramente da minha ansiedade, que na verdade, eu chamo até de desespero. Por muito tempo questionei o porquê de não ter dado certo. Eu ainda não sabia que o "dar certo" não era nada além de minha visão limitada do que poderia ser o melhor para minha vida. O que antes gerava mil questionamentos e reclamações, hoje é motivo de felicidade, alívio e gratidão, acredite se quiser. Agradeço por ter dado errado, por não ter se estendido, pois hoje consigo enxergar o mal que tudo aquilo me traria. A vida é engraçada, né? Mais engraçada do que a vida, só nós mesmos... Seres extremamente mutáveis e afobados, metidos a senhores da razão, rs.

É por isso que hoje, não desejo que dê certo ou errado, desejo que o melhor aconteça e pronto. Se quer um conselho, tome este.

quarta-feira, 20 de julho de 2011

A Colheita








Há algum tempo, colhi uma espera muuuuuuuuuuuuito longa, pelo simples - e terrível - fato de não saber reconhecer o valor de determinadas coisas. Com sabedoria, podemos tornar o que colhemos - sendo bom ou ruim - em aprendizado e foi assim que eu fiz.

A estação da colheita novamente chegou para mim. E estou colhendo o MELHOR! O meu coração NUNCA - com toda sinceridade do meu ser - esteve tão grato!

No post dessa semana, não vou me estender, mas gostaria de deixar algo que você pode chamar de dica, conselho, lembrete ou uma frase qualquer:

Viva sem esquecer que o futuro é fruto do que plantamos hoje.

quarta-feira, 13 de julho de 2011

- Sobre Prioridades -








Olhando para trás, me arrependo de muitas coisas. Como todo ser humano, meti os pés pelas mãos inúmeras vezes, errei, desconfiei, não me conformei, insisti, dentre tantas outras falhas que ninguém está livre de cometer. Porém, hoje entendo um pouco melhor que tudo, absolutamente tudo nessa vida, acontece de acordo com o que priorizamos.

Já tive época de priorizar festas, já tive época de priorizar namorado, dinheiro, etc. No final, nenhuma das prioridades corresponderam à minha expectativa, nenhuma me tornou feliz por completo, tampouco preencheu vazios. Levei um bom tempo e me machuquei bastante até conseguir reconhecer isso.

A minha atual prioridade, não é o tema deste post. Esse post é uma reflexão... É importante se dar conta do que tem sido prioridade em nossa vida. 

Bens, festas, pessoas, trabalho e tantas outras coisas, existem para nós gostarmos, admirarmos, respeitarmos e nos dedicarmos. O que verdadeiramente acrescenta, existe para que seja PRIORIDADE em nossa vida.

terça-feira, 5 de julho de 2011

- Insistência X Persistência -



As pessoas de um modo geral, têm dificuldade em se conformar com determinada situação, determinados erros, determinados fins. Entendo completamente. Daí vem a confusão entre insistência e persistência. É muito mais bonito dizer que é persistente do que admitir uma característica que está diretamente ligada à chatice, falta de senso...

Que atire a primeira pedra aquele que nunca insistiu em alguma coisa. Eu já e muito. Como disse, insistir está ligado diretamente com a falta de senso, diria até que de noção. Muitas coisas acontecem em nossas vidas e existem momentos em que é mesmo muito complicado manter o equilíbrio, muita gente "viaja" e muitas coisas perdem o sentido. Se algum dia ouvir de alguém que estás sendo sem noção, que algum alarme apite, meu/minha amigo/a! É o momento de cair em si e entender que insistir quase sempre não gera absolutamente nada, além de feridas que se você não cuidar, te acompanharão para o resto da vida.

Ao invés de insistir no que faz sofrer, que tal persistir no amor próprio? Amar a si mesmo, é um passo importante para saber exatamente a diferença entre insistir x persistir. Aliás, o amor - sem manchas, exageros, ciúme, egoísmo, ou qualquer outra sujeira - é a base para a solução de qualquer problema. Pense nisso!